segunda-feira, 2 de maio de 2011

Bin Laden nunca morrerá

O desaparecimento de uma figura mundial como Osama bin Laden não poderia se dar de forma mais equivocada. Diferente de Saddam Hussein, cujo enforcamento foi até gravado, a suposta morte do líder da Al Qaeda é uma incógnita.

Pode ser teoria da conspiração achar que tudo não passa de uma farsa, assim como a chegada dos americanos à Lua ou a morte de Elvis, mas a morte de Osama é cercada de mistérios.

O primeiro ponto é que, assim como aconteceu com Saddam, penso que o corpo de uma figura como ele seria reivindicado com todas as forças pelo governo dos Estados Unidos para exibi-lo como um troféu.

O segundo ponto bate em muitas informações desencontradas sobre o destino do corpo do terrorista. Dizem que ele foi levado para o Afeganistão, onde foi preparado e jogado ao mar, como manda a tradição (?). Sobre este argumento, duas dúvidas principais: 1) que tradição é essa? 2) cadê o mar do Afeganistão?

Sem um prova concreta – foto ou vídeo do corpo – a morte de Osama será sempre uma dúvida. Ainda mais vindo de um governo sobre o qual recaem todas as suspeitas possíveis. Um exame de DNA pode ser forjado com certa facilidade. Uma foto ou um vídeo não (se bem que na história da Luz... enfim!).