domingo, 6 de maio de 2012

Pelo Twitter, Farc anunciam libertação de jornalista francês “em breve”

Mensagem no Twitter das Farc / Reprodução
Através de uma série de mensagem postadas no Twitter no início da tarde deste domingo as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) anunciaram que o jornalista francês Roméo Langlois foi capturado e será libertado em breve.

Foi a primeira vez que a guerrilha se pronunciou diretamente sobre o confronto com o Exército do país no último dia 28 de abril, quando o jornalista desapareceu e foi dado como sequestrado pela guerrilha.

As Farc disseram que durante o combate “foi capturado um integrante do Exército, o qual estava ferido. Logo identificado como jornalista internacional.” A guerrilha diz ainda que a informação foi averiguada e confirmam que o jornalista francês Roméo Langlois está em poder do grupo. Em uma sequência de tweets, as Farc ressaltam que “no momento da captura esse jornalista vestia roupas do exército colombiano e não o uniforme azul normalmente usado pela imprensa”.

No final da mensagem, as Farc esclarecem “perante a opinião nacional e internacional que não se trata de um sequestro e sim de uma captura em combate.” O comunicado diz que o jornalista foi tratado e está fora de perigo.

Os guerrilheiros ainda acusam o Exército Colombiano por colocar em risco a vida do francês e anunciam que Romeo Langlois será libertado em breve “são e salvo”.