terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Chávez sumiu: há 15 dias, presidente da Venezuela não é visto


O presidente da Venezuela está "desaparecido". Desde o dia 15 de novembro, Hugo Chávez não é visto e o governo não dá nenhuma explicação sobre o chá de sumiço do mandatário. Só o que se sabe é que, na última quarta-feira, ele viajou a Cuba para um “tratamento especial de oxigenação hiperbárica”, de acordo com a BBC.

Sempre presente no Twitter, as últimas postagens do presidente venezuelano são do dia 1º de novembro.

Foi em Havana que Chávez tratou o câncer até hoje não explicado. Ao contrário do que acontecia toda a vez que o comandante precisava ir até a ilha comunista para mais uma etapa do tratamento, a viagem da última quarta-feira não foi sequer noticiada pela mídia oficial.

A ausência, obviamente, vem levantando suspeitas sobre o real estado de saúde de Chávez. Henrique Capriles, que perdeu as eleições presidenciais deste ano para o comandante, cobrou, como líder da oposição, informações sobre a saúde do presidente: “porque o povo tem direito de conhecer como anda a saúde do presidente", disse.

No entanto, partiu do embaixador brasileiro em Caracas a informação que pode desmentir os vários boatos sobre a situação do presidente. José Antonio Marcondes disse à Reuters que está confirmada a participação de Chávez na Cúpula do Mercosul, que será realizada na próxima sexta-feira em Brasília.