quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Cristina: governo vai criar operadora de celular estatal


Em discurso na noite de quinta-feira na grande Buenos Aires, a presidente Cristina Kirchner anunciou que o governo vai entrar no ramo da telefonia celular com a criação de uma empresa estatal. Segundo indicou a presidente, a nova empresa vai operar com o sistema que pertencia à antiga Movicom.

Segundo Cristina, a operadora se chamará Libre.ar e vai administrar 25% das frequências 3G de celulares do país e competir com as empresas Claro, Movistar, Personal e Nextel.

“Somos o país com a maior quantidade de celulares por habitante na América Latina”, disse Cristina. Ela não deu mais detalhes sobre a nova operadora e nem fixou prazo para que a empresa comece a operar.